domingo, 30 de janeiro de 2011

atestado de órbito



eu

vivo

em

tua

volta


4 comentários:

Í.ta** disse...

certeiro!

Eduardo Trindade disse...

Uma pequena joia, como sempre!
Fazia tempo que eu não vinha aqui, é muito bom (re)encontrar tuas letras.
Abraços!

Cynthia Lopes disse...

Tem selo para ti no meu blog, bjussssssss

Cesar Veneziani disse...

Genial.
Um dos melhores poemas que já li na vida!
Mestre!!!