quinta-feira, 18 de outubro de 2007

pró-cura


                te procuro
quando
está claro,
quando escuro,
céu repleto
ou incompleto
te procuro,
no teu samba
predileto,
num obscuro
dialeto
te procuro,
quando
te protejo,
quando
me projeto
em teu futuro,
te procuro,
capto, capturo
nesse poema
que rasuro,
e te juro:
só quando
te encontro
me curo.
 
foto: tânia flores.

14 comentários:

celo disse...

procuro procuro procuro procuro, mas não acho, não encontro, não me curo, sem cura, terei de ir ao hospital.. :/~
[]s :]
marcelo

Márcia(clarinha) disse...

busca de pró e contra
busca recheada de [des]encontro
busca sua
nua
dela
por ela.

carinho meu poetinha,
beijos

alex pinheiro disse...

Olá Múcio,,, aiai! (uma respiração mais longa) Estou nas minhas interpretações resolvendo o "Motim" com "Pró-cura"... e sabes que gostei a conexão?!

Tão bom encontrar,,, mesmo que pra rimar com "curar",,, qdo faz todo o sentido...
Sempre amo visitar essas traversuras...

Abraços e ofegantes invenções!

Leandro Farias disse...

procura, procura, procura, procura...
tortura, tortura, tortura, tortura...

:****

Leandro Jardim disse...

Esse poema é
Múcio purinho
e bonitão

abs
Jardneiro-o-o-o

IsaBellinha disse...

Aiiiii que uma lágrima caiu agora...
(Cada vez mais sensível com escritas assim! Lindissimo! Fã incondicional)

:***

Tina disse...

Oi Múcio!

Sem palavras: que coisa mais linda!

Obrigada por dividir.

beijos querido e boa semana,

Sandra Regina de Souza disse...

Sem palavras!!! AMO. beijos

Rayanne disse...

Ai que você me faz chuva, poetamado! Ainda que docinha, docinha....

**Estrelinhas**

Márcia(clarinha) disse...

achei abraço e vim deixar procê...

diovvani mendonça disse...

POEMINHA, DUM MINERIN PRUM POETA

De t�o...
bam-bam-bam
que �.

Do M�cio,
visto
qualquer poema.

Dele? At� cal�o
sem medo,
um bamba usado.

Pois, pr�-sinto
nem ter
chul�.

M�cio?
para mim � -
craque como pel�.

Por isso
o sobrenome dele
na minha cabe�a sempre ser�

- GOLS!!!

~^^ ~Abra�o~^^ ~

Vinicius disse...

olá.
Gostei do teu blog, bem poético....
Muito bacanas as fotos...
Tô começando um blog, se quiseres dar uma olhada ....
Valeu , abraço....

Anônimo disse...

É esse: http://literaturapoetica.zip.net/

Lua Durand disse...

que lindo, é sempre tão lindo tudo que leio por aqui.

"te procuro no teu samba predileto"

que lindo;

um bom samba do mestre Candeia na voz de cartola, preciso me encontrar.

ou talvez Noite ilustrada interpretando Ataulfo.

ou talvez na voz grave de Nelson Gonçalves, um samba como aquele, vida noturna.

samba.

mas samba bamba, Adoniran;

samba.

au revoir