domingo, 24 de junho de 2007

azul




tudo o que
escrevo,
ou faço,
um texto,
um traço,
já nasce
pra morrer
no teu abraço.
de tudo que
escrevo,
ou faço,
nada fica
no papel,
posto
que amarela,
e quanto mais
eu faço céu,
mais meu amor
se faz janela.




foto: raul alexandre.

17 comentários:

Wagner disse...

gostei do teu veio poético,tuas palavras tem densidade profundas!

abraço.

Pedro Paulo Pan disse...

, e assim se faz aquarela...
, abraços meus.

Tina disse...

E eu adoro amor assim: lindo!

beijos querido e boa semana,

Nuvem disse...

Ai, ai...

Vc me encanta!

Sempre tudo mto lindo!

xêiroo pra vc, moço das letras.

Márcia(clarinha) disse...

tem cheiro de tristeza ou é impressão do meu nariz? :(
saudades desse poeta, tá tudo bem? diz que sim...
beijossssssss

alex pinheiro disse...

Olha, tens mesmo que tirar do papel, como disse amarela,,, uma boa alternativa é botar aqui no Traversuras,,, rs...

Adoro pular janelas,,,rs... sentimentos de janela tem o tamanho que eu gosto e a intensidade que não preciso... Amo janelas, de onde só se vê parte do corpo da pessoa, outra parte deve ficar escondida para melhor aproveitamento dos sentidos,,, sextos...

Abraços e inspiradas inveções!

diovvani mendonça disse...

Boa janela para debruçar, é esta; que dá vista, para sua poética - boa, até perder de vista. AbraçoDasMontanhas

Déa disse...

E quanto mais eu venho aqui, as te admiro... Super beijos

Antônio Alves disse...

Boa relação de proporcionalidade entre céu e janela. Há braços!


Antônio Alves
No Passeio Público
Postagens às quartas e domingos

Poeta Matemático disse...

Ui...

Como sempre fantástico...

E o Layout...

Fabuloso...

No words

Rayanne disse...

Amor da vida,

és um presente.

A vida te fez rima,
e a vida, rima rica.
Diria o cara,
jóia rara.

No mais nada se vê,
apenas sente,
que a poesia é isso:
está na cara,
pré quem crê
Que tudo muda
e nada "se".

Apenas um destinatário,
"para"

e o texto:
"amo você".

Amigo mais lindo.

**Estrelas sempre**

Nanna. disse...

Oi meu bem...
Vim te avisar que indiquei o seu blog no concurso cultural "As 7 maravilhas da blogosfera". Passa no meu blog pra conferir, tá?

Monte de beijinhos!

paulo vigu disse...

No vento
Meio por fora
Meio lento
Saí do meio do rio
Caí no meio do mar
~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Riodaqui/abraço/Paulo Vigu

Luzzsh disse...

Oi lindo....

Saudades imensas de ti....

Ando num pé de vento, trabalhando em dois empregos (no velho e no novo)

O amor é o mesmo.

E embora não escreva com calma - não a possuo no momento - não esqueço.

Beijos...

Elcio disse...

Show de espaço esse aqui.
Gostei de td q andei lendo.
Parabens.
Voltarei outras vezes.

É isso ai.
Bom fds.

Sandra Regina de Souza disse...

Meu dia azul
escrito na sua linha:
mais um traço:
sua boca beija a minha!

Cristina Loureiro dos Santos disse...

Lindo, lindo!
O que dizer mais?

Um abraço :)