sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

paixão made in u.s.a



faz tempo
eu tive uma musa
vivia de riso
e de brisa
o vento batia no peito
pra que camisa?


ela dizia:
“me usa,
me abusa”


hoje eu tenho
sua foto
e seu cheiro numa


blusa.

8 comentários:

Juℓi Ribeiro disse...

Lindo!
Como tudo o que você escreve...


FELIZ NATAL!

Que todos os dias sejam Natal
em sua vida.
Um abraço no seu coração.


"Soneto de Natal e estrelas"


Sonhando de olhos abertos com a felicidade
Uma estrela feliz derramou sonhos e luz
Aquecendo a criança envolta na imensa saudade
A esperança sorri, a paz abraça e reluz...

Uma oração é ouvida por toda a eternidade
Nas noites de dezembro embala o menino Jesus
“Paz na terra aos homens de boa vontade”.
O Natal menino renasce unindo a humanidade.

Nas estrelas acorda um pastor e poeta
E derrama sobre a terra luz e poesia
Um punhado de estrelas desperta!

Pegando carona nas asas de uma borboleta
Reflete nos sonhos do adulto que dormia
As promessas de amor esquecidas na gaveta...

-Juli Ribeiro-

Soneto publicado no Recanto das Letras em 18/12/2010
Código do texto: T2678636



...............¨♥*✫♥,
.........,•✯´.........´*✫
.......♥*................ __/\__
.......*♥............… ..*-:¦:-*
...¸.•✫.............……/.•*•.\
...~`,`~.................. |
¸....✫................... *•*
´¸...*♥..´¸...........*♥♫♥*
´¸¸♥*................✯•♫•♥•*
´¸.•✫ .............. *♥•♫•♫♥*
~`,`~............. ✯♥•♦♫♥•♥*.
`.✫`.............. *♥☺♥•♥•☺♥*.
●/................✯♥•♥♠♫♥#♥•♥*..
/▌................*♥♫•♥♫•♥♫♥•♫♥*
/ \....................... ╬╬╬╬.

Cynthia Lopes disse...

Poeta querido, amigo etc e tal..., faz um tempão que não te leio, que não te festejo!! E logo neste período que tanto amo de final e início de ano!!! nem pensar... espero que o seu Natal tenha sido uma festa de reunião e muito amor e que seu Ano Novo seja repleto de verso, de prosa, de poesia. Muita saúde meu querido, que toda dor se converta em alegria e que o mundo seja todo seu, sempre!!!! bjs

priscila lima disse...

ô vontade de sair versando por aí.
quem encontre em versos, em prosas... esses sentimentos bons que vi por aqui.

Larissa Marques disse...

é, como diria Gullar em seu poema Barulho: "o poema é feito de ar" e se a musa deixa no ar ou na blusa o seu aroma, ali habita o poema!
belo, por sinal!
beijo!

S. Outono disse...

Desejo um 2011 repleto de realizações, amores, conquistas e muitos sonhos. O que de melhor existir é o que te desejo sinceramente todos os dias do ano.
Beijos e folhas,
Simplesmente Outono.
Ps.: És especial. Quero tuas letras nas minhas letras...

Cesar Veneziani disse...

Mestre, mais um belíssimo poema... Depois te mando um que está concorrendo num concurso eu que fala de perfume...

Alex Pinheiro disse...

Esse cheiro de blusa é foda.

Abraços e aromáticas invenções!

Beth Kasper disse...

Fodíssima!!!!